Tudo sobre Marketing Digital para Imobiliárias e Marketing de Conteúdo (parte 1) 01 Apr 2019


O mercado de venda de imóveis se fundiu definitivamente ao mundo digital. Hoje em dia, é impensável, seja para um corretor de imóveis ou para uma imobiliária, obter sucesso no ramo imobiliário mantendo-se fora das redes, atuando à margem de uma sociedade cada vez mais conectada.

Investir no marketing digital imobiliário não é mais um diferencial. Hoje em dia, dificilmente alguém sai de casa para comprar um imóvel sem antes fazer uma pesquisa na internet para conhecer as condições do mercado.

Porém, não basta ter presença digital. É preciso elaborar estratégias para adequar-se de forma produtiva ao novo comportamento do cliente, ampliar o número de visitantes em suas plataformas e converter essas visitas em leads, que se materializam em oportunidades de negócios.

Com a mudança constante no comportamento do público consumidor, as imobiliárias precisam adequar suas estratégias para se reconectar aos seus clientes. Os anúncios de jornal e os plantões de vendas já não têm mais eficácia. O cliente de 2019 é atraído por informação e conteúdo, que ele pode acessar a qualquer momento, na palma da mão, por meio de seu celular ou tablet.

Se o seu negócio ainda não embarcou no mundo digital, se está apenas iniciando ou mesmo se já se aventura por esse universo e está buscando melhorar seus resultados, confira essas dicas, você encontrará tudo o que é importante conhecer sobre o marketing digital imobiliário.

Saiba agora o que é preciso fazer para competir e se diferenciar no mercado de imóveis!

 

 - Amplie o alcance de sua comunicação:

Estratégias de marketing digital permitem ampliar de forma exponencial o universo de pessoas impactadas pela empresa. É possível marcar posição junto a um eventual cliente mesmo que ele ainda não tenha o seu desejo de compra consolidado.

A produção de conteúdo relevante, alinhado com as necessidades dos clientes, por exemplo, pode tornar a empresa uma referência junto ao público, ampliando o alcance de suas ações e facilitando a conversão de visitantes em leads.

Mas quais os benefícios reais do marketing digital para as imobiliárias?

Atualmente, investir em marketing digital é indispensável para que as imobiliárias se mantenham em pé de igualdade com seus concorrentes. Mais do que isso: é uma das ferramentas mais eficazes para aumentar vendas, atrair e fidelizar clientes, além de mensurar resultados e avaliar suas estratégias.

Confira algumas vantagens que as empresas do setor imobiliário podem conquistar a partir de seus investimentos no marketing digital.

*Reduzir custo e aumentar retorno

Em comparação com as mídias tradicionalmente utilizadas pelo mercado imobiliário, como anúncios em jornal e televisão, o marketing digital tem um custo bem menor e ainda garante alguns benefícios que não se poderia conquistar no modelo tradicional.

Um desses ganhos extras é a contabilização dos resultados de forma clara, já que todas as interações podem ser mensuradas e utilizadas para avaliar se as estratégias estão surtindo o efeito desejado.

*Mensurar resultados e reavaliar estratégias

Tarefas nem sempre simples no marketing tradicional, a mensuração dos resultados e a avaliação da precisão das estratégias são facilitadas no meio digital. A partir de uma série de ferramentas e métricas, é possível medir o sucesso de cada anúncio ou de cada conteúdo produzido.

 

- Tenha um site responsivo

Segundo um levantamento da Fundação Getúlio Vargas, realizado no início de 2018, o Brasil já conta com 220 milhões de celulares em uso para uma população de 210 milhões de pessoas. Ou seja, é muito provável que o seu público esteja pesquisando sobre imóveis na tela do seu smartphone. Por isso, é fundamental que, seu site ou blog seja responsivo (tenha uma versão adaptada às plataformas mobile).

A importância do site:

O site da imobiliária deve ser o principal instrumento de sua estratégia de marketing digital. É principalmente por meio dele que seu público vai encontrar a sua imobiliária e conhecer os detalhes de sua carteira de imóveis e oportunidades.

Por isso, é importante investir e cuidar bem dele. Não basta simplesmente manter o site no ar. Ele precisa ser atualizado, funcional e intuitivo, facilitando a conversão de visitantes em leads. É a partir do site que toda a sua estratégia digital vai se desdobrar. Funciona com um ponto de partida para as demais ações.

Algumas características são importantes em um site para que ele cumpra a função de impulsionar os negócios e a própria estratégia de marketing digital de sua imobiliária. Confira o que é preciso para que ele otimize seus resultados.

*Agilidade no carregamento

Quando realizam suas pesquisas por imóveis, os clientes buscam agilidade. Um site com carregamento demorado não oferece uma boa experiência ao usuário, que tende a desistir de acessá-lo e reiniciar sua busca pelo site de outra imobiliária, aproveitando a forte concorrência do mercado. O Google também costuma penalizar sites com carregamento lento.

*Usabilidade

Um bom design é importante, mas a facilidade de navegar é essencial para a experiência de seus visitantes. Navegação intuitiva e boa oferta de filtros de pesquisa, por exemplo, fazem uma grande diferença.

Quanto melhor for a experiência do visitante, maiores serão as chances de sua conversão em leads. Lembre-se sempre de que há centenas de sites e portais concorrentes que podem ser acessados com um ou dois cliques. Lentidão e dificuldades de navegação espantam os clientes.

A simples presença digital não é garantia de diferenciação no mercado imobiliário. Não basta manter um site e alimentar perfis em redes sociais se não houver um planejamento que transforme essas ferramentas em potenciais novos negócios.

E há diversas estratégias de que sua imobiliária pode lançar mão para dar relevância a sua atuação e se tornar uma referência no mercado de imóveis. Confira, a seguir, algumas delas.

 

- Invista em portais imobiliários

Estar presente em várias frentes, além do seu site e de seus perfis nas redes sociais, também é uma estratégia importante. Por isso, é sempre relevante considerar investir em anúncios nos portais imobiliários.

Essas plataformas costumam ter uma grande audiência, já que quem está em busca de um imóvel amplia sua pesquisa o máximo possível.

*Faça um anúncio de valor:

É muito  importante investir em bons anúncios e para realmente se destacar, produza boas fotos, com qualidade diferenciada, e capriche na descrição dos imóveis.

Evite a poluição visual do anúncio com marcas d’água muito grandes ou que se destaquem mais que a imagem propriamente dita.

*Foto de capa:

Um detalhe importantíssimo, mas que muitos corretores deixam passar na hora de montar um anúncio é a foto de capa, muitas vezes por pressa ou falta de atenção, eles acabam deixando por exemplo, a foto do banheiro como foto principal, quando  no portfólio existe, por exemplo, fotos do imóvel com vista para o mar ou uma linda piscina, que poderia ser um apelo de compra maior para o cliente que esta pesquisando um imóvel na Web e que viu por enquanto apenas a imagem de capa.

*Anúncio clean:

Hoje já existem portais imobiliários que, para evitar a poluição visual de seus anúncios, não aceitam marca d’água nas imagens, se por um lado, alguns se lamentam por medo de perder suas captações, quem investe nesse tipo de mídia “clean” tem recebido em troca:

Leads muito mais qualificados, clientes que  visualizaram de forma mais proveitosa as imagens, que já tiraram todas as dúvidas possíveis na fase de visualização do anúncio e com uma boa descrição do imóvel; o resultado disso é um lead mais qualificado, direcionado e com um nível de interesse real no imóvel anunciado.

O portal DreamCasa é pioneiro do Brasil nesse modelo de  anúncio clean, que prioriza a qualidade do anúncio, visando a melhor qualificação do lead.

 

- Invista em vídeos

Em 2019 já é uma tendência sem volta anunciar imóveis via vídeo, sejam feitos pessoalmente ou via drone. Acessíveis para o público e com produção cada vez mais facilitada, os vídeos, armazenados em plataformas como o YouTube, são extremamente eficazes.

Não há necessidade de realizar grandes produções, embora não se deva descuidar da qualidade. Atualmente, há uma infinidade de aplicativos e ferramentas para edição que permitem manter uma qualidade superior e de grande impacto junto ao público.

Hoje já existem portais imobiliários que importam os anúncios de imóveis feitos via vídeo da página do anunciante diretamente para o Youtube.

 

- Use marketing de conteúdo e Inbound Marketing

Ao começar uma estratégia de Marketing Digital, todo profissional encontra essa frente chamada Marketing de Conteúdo. Mas o que significa isso, afinal de contas?

A qualidade do conteúdo é que vai atrair e manter o cliente por mais tempo no seu site. Invista sempre em temas de interesse do seu cliente, que sejam atrativos e devidamente otimizados para SEO.

Através do conteúdo, sua empresa consegue atrair visitantes qualificados para transformá-los em oportunidades de negócio.

Uma frase repetida à exaustão pelos profissionais de marketing digital é que o “o conteúdo é rei”. Ela se refere à capacidade que a geração de informações relevantes para um determinado público tem de atrair novos clientes e alavancar negócios.

 - Inbound Marketing é o conjunto de estratégias de marketing que visam atrair e converter clientes usando conteúdo relevante. Diferente do marketing tradicional, no Inbound Marketing a empresa não vai atrás de clientes, mas explora canais como mecanismos de busca, blogs e redes sociais para ser encontrada.

O conceito de Inbound Marketing surgiu oficialmente nos Estados Unidos e começou a se popularizar a partir de 2009, após o lançamento do livro “Inbound Marketing: seja encontrado usando o Google, a mídia social e os blogs”, de Brian Halligan e Dharmesh Shah.

De lá para cá, o Inbound Marketing explodiu de vez, e a cada dia mais empresas de diferentes portes estão aderindo ao método para conquistar mais clientes, gerar mais vendas e reforçar sua autoridade perante a audiência.

Em uma tradução livre, o termo Inbound Marketing pode ser definido como marketing de atração. A principal diferença entre o marketing tradicional – que chamamos de Outbound Marketing – e o Inbound é que, no segundo, quem procura a empresa é o cliente e não o contrário.

Ou seja, são realizadas ações com o intuito de atrair o potencial cliente para seu blog ou site e, a partir dessa atração, é feito todo um trabalho de relacionamento com essa pessoa. Esse relacionamento é desempenhado por meio de conteúdo personalizado e autoral.

Esse conteúdo é uma forma de educar a audiência e potenciais clientes sobre o segmento de sua empresa, transformar sua empresa em referência em determinado assunto relacionado a seu mercado e influenciar na decisão de compra de futuros clientes.

O marketing de conteúdo se consolidou como uma estratégia bem-sucedida para abrir novos mercados, incrementar vendas e fidelizar clientes. Trata-se de um processo que vai, dia a dia, consolidando sua marca, reforçando sua relevância no mercado e cultivando a relação entre sua empresa e seu público.

A partir do momento em que sua imobiliária passa a ser reconhecida como uma espécie de autoridade em seu mercado, justamente pela qualidade e relevância do conteúdo que oferece, vão se consolidando as oportunidades da geração de leads, que é a transformação daquela audiência em eventuais clientes.

Para chegar a esse ponto, porém, é preciso seguir uma estratégia bem planejada, que pode ser dividida em alguns passos principais. O primeiro deles é estabelecer seus objetivos, determinar qual resultado a imobiliária vai perseguir e em quanto tempo pretende alcançá-lo.

O sucesso de sua estratégia vai depender do nível de conhecimento que você tem sobre seu cliente, pois o marketing de conteúdo depende da definição do perfil que se deseja atingir. Isso é importante para determinar o que se produzirá, com que objetivo e por meio de quais canais será divulgado.

Aliás, a definição dos canais que serão utilizados para chegar ao seu cliente também é essencial. Blogs, redes sociais, plataformas de fotos e vídeos, enfim, tudo pode ser utilizado de forma sincronizada para gerar interesse nos seus visitantes e referenciar sua marca não apenas junto aos clientes, mas no mercado imobiliário de forma geral.

Por fim, essencial também em sua estratégia de marketing de conteúdo é medir a efetividade de suas ações. Assim, você deve definir as métricas que servirão para avaliar o sucesso ou não de suas iniciativas e, se for o caso, inserir alguma mudança de rota.

O importante é pensar de forma estratégica, estabelecendo objetivos e elaborando ações para atingi-los. Não há uma receita de bolo que fará com que seus planos funcionem de forma automática, mas algumas iniciativas podem ser bastante efetivas.

*foque na conversão: converter visitantes em leads — potenciais clientes — é o objetivo final de qualquer estratégia de marketing digital. Cuidado para não se desviar desse foco. Produza conteúdos atrativos, surpreendentes, mas tenha essa meta maior sempre em mente. De alguma forma, eles devem convergir para isso;

*explore vídeos e fotos: conteúdos acompanhados de vídeos ou fotos têm uma capacidade muito maior de retenção e engajamento. Eles têm um apelo emocional, influenciando a forma como as pessoas percebem o seu conteúdo;

*priorize o mobile: já falamos antes, mas isso é realmente importante. O chamado “mobile first” deve sempre estar presente em suas estratégias. Não pense em um conteúdo ou ação sem avaliar como será o seu desempenho em dispositivos móveis;

*em vez de ligar, mande mensagem: mesmo vivendo com o celular nas mãos, a maioria das pessoas não é tão amigável ao receber ligações, consideradas invasivas. A preferência é por mensagens, que podem chegar por WhatsApp ou Facebook Messenger, por exemplo;

*fique de olho nos resultados: cada desdobramento de suas ações de marketing digital deve servir de guia para os seus próximos passos. Existem diversas formas de acompanhar o desempenho de suas estratégias, e compreender o quê e o porquê desses resultados é muito importante para aprimorar seu trabalho.

Canais de contato

Quando um visitante amadurece a ideia de realizar um negócio com sua empresa, precisa ter facilidade para falar com você. Não cometa o erro de limitar o contato a um formulário escondido em algum canto do site. Deixe seu e-mail, telefone e links para redes sociais bem visíveis.

Atualização

Nada mais frustrante para o cliente do que encontrar o anúncio de um excelente imóvel, contatar a imobiliária e descobrir que aquelas informações estão desatualizadas e a casa ou apartamento já não está mais disponível. Revise permanentemente seus conteúdos para não gerar essa decepção em seus visitantes.

 

- Conheça a tecnologia a serviço do marketing digital imobiliário

Marketing de conteúdo, SEO, funil de vendas… Esses termos podem até parecer distantes da realidade do mercado imobiliário, em que ainda há profissionais que privilegiam os negócios à moda antiga, que têm no telefone seu grande aliado na relação com o cliente.

Mas, na verdade, o setor não ficou imune ao avanço acelerado da tecnologia, e uma série de inovações já se integrou à rotina do ramo de imóveis. E ainda há muito que evoluir nessa área tão competitiva.

Hoje, já é possível, por exemplo, conhecer imóveis por meio da realidade virtual, em 3D. Ou seja: já não é preciso visitar os imóveis fisicamente para avaliar se eles atendem às suas necessidades e perspectivas. Também é possível conhecer as unidades por meio de vídeos em 360 graus, obtendo uma ideia fidedigna de como o imóvel se encontra.

Ou seja, as mais modernas tecnologias, novas técnicas e novas abordagens vêm revolucionando o mercado de imóveis e a forma como as empresas se comunicam com seus clientes. Não há indícios de que essa revolução tecnológica esteja próxima do fim, e sim de que a área rapidamente vai se adaptando à nova realidade.

O marketing digital imobiliário vem se expandindo e mantendo a concorrência no setor em um nível elevado. O avanço acelerado que as novas tecnologias têm imposto ao mercado de imóveis exige foco e estratégia das empresas para se destacar. Por isso, é preciso pensar grande e focar o planejamento para obter sucesso com o marketing digital.

A cada ano que passa, fica mais tênue a diferença entre o real e o virtual, entre o offline e o online. Não se diz mais “entrar na internet”, pois a internet já está em praticamente todos os lugares.

 * Destaque-se no Google

A maior ferramenta de busca da internet pode ser um canhão para sua estratégia de marketing digital. Seja pela busca orgânica — aquela projetada pela qualidade e relevância do conteúdo produzido —, seja pelo uso do AdWords (os anúncios pagos), sua presença na primeira página de buscas é uma conquista importante para destacar sua marca.

 

-Veja o marketing como uma forma de investimento de visibilidade de sua imobiliária, e não de gasto.

Não ter uma estratégia de Marketing de Atração para sua empresa pode ser um fator determinante para você ficar atrás de seus concorrentes que já estão aplicando a metodologia.

O marketing serve para 5 principais ações:

*Aumentar a visibilidade de seu negócio;

*Diminuir o custo de aquisição de seus clientes;

*Atrair clientes em potencial;

*Gerar conteúdos que fazem diferença;

*Otimizar o processo de vendas.

Temos cases de sucesso de empresas dos segmentos de software, saúde, educação, jurídico, indústria, serviços, setor imobiliário, e-commerce e outros.

Os simples fatos de as pessoas estarem sempre procurando soluções para seus problemas nos mecanismos de busca, lendo mais e-mails em diferentes dispositivos e navegando mais tempo nas redes sociais são prerrogativas para que sua empresa não fique de fora.

*Atrair

No Inbound Marketing a equação é simples: um site sem visitas não gera Leads. Sem os Leads não há vendas e, por consequência, perde-se toda a razão para se trabalhar com essa estratégia.

Por esse motivo a primeira etapa do Marketing é “atrair” e, sem dúvidas não poderia ser diferente. A genialidade dessa etapa é simples: ao invés de gastar energia em procurar pessoas que poderiam se interessar sobre seu negócio/mercado, gasta-se energia na construção de algo digno de legítima atenção e assim atrai-se muitas pessoas que por espontânea vontade se interessaram no assunto.

O resultado disso é um público muito mais engajado e propenso a realmente consumir o produto.

Existem muitas formas de fazer essa mágica acontecer e você precisa saber um pouco de cada uma:

*Blog:

O blog está normalmente atrelado a uma estratégia de Marketing de Conteúdo, que é um dos principais pilares do Inbound Marketing. Ao contrário do que pode parecer, usar o blog como uma ferramenta de marketing não é apenas publicar em um site textos aleatórios sobre o seu assunto, é preciso planejamento.

Um blog bem feito produz conteúdo de qualidade baseado no seu público-alvo e nas etapas do processo de compra em que ele ocasionalmente poderá estar.

Apesar disso, ter um blog não se trata apenas de trabalhar e orientar o usuário na jornada de compra, mas também se trata de criar relacionamento e identificação com seu público. Até porque lá você pode abordar temas menos engessados, que no site você normalmente não poderia abordar.

*SEO:

Todos os meses cerca de 100 bilhões de buscas são feitas no Google. Cada busca é resultante de um problema em que o usuário em questão quer resolver, e é nesse momento que seu negócio pode fazer a perfeita intersecção com essas buscas.

Quando falamos de SEO, o objetivo é situar seu site em um local visível para todos que fazem pesquisas relacionadas ao seu nicho/mercado encontrarem você. Quem conhece um pouco dos mecanismos de busca sabe que, quando falamos de local visível, nos referimos as páginas de resultados ou, mais precisamente, à primeira página do Google.

Os motores de busca prezam sempre em exibir o melhor para o usuário pensando em SEO. Isto é justamente o que temos que visar: oferecer a melhor solução possível para o problema que motivou a pesquisa no mecanismo de busca.

O Google utiliza vários critérios para determinar se uma URL é ou não digna de estar na primeira página de resultados e um bom trabalho de SEO deve levar em consideração esses critérios.

Ter um blog com conteúdo interessante e não estar nos mecanismos de busca é o mesmo que ter uma ótima loja em uma rua pouquíssimo movimentada. Por isso dê a devida atenção para esse assunto!

*Links patrocinados:

Apesar de muitos acharem que anúncios pagos na internet vão contra o princípio do Inbound Marketing de atrair a atenção ao invés de comprar, um anúncio feito no momento certo pode ser bem aplicado em uma boa estratégia de  Marketing.

Anúncios na internet permitem muitas vezes uma segmentação bastante específica do público que se deseja atingir, o que lhe permite ser na maioria das vezes assertivo.

*Search (Anúncios na pesquisa)

Um dos fatores viáveis de mostrar o valor de comprar palavras-chave no Google AdWords para aparecer como link patrocinado na pesquisa do usuário é mostrar um anúncio que leva para seu site e que tenha um conteúdo relevante, que fale daquilo que usuário está buscando.

Essa resposta para o usuário será o conteúdo em que ele clicará no anúncio, por isso é importante a compra de palavras-chave corretas. Além disso, os textos dos anúncios devem estar alinhados com o conteúdo do site de destino ou da Landing Page.

Display (anúncios em banners na rede de conteúdo)

Você também pode fazer anúncios em banners na rede de conteúdo do Google e selecionar alguns canais, sites, blogs por segmento, remarketing ou tipo de conteúdo do site para anunciar por lá e gerar visitas a partir desse banner.

Uma das vantagens de usar links patrocinados para uma estratégia de Inbound Marketing é atrair visitantes para seu site, blog ou Landing Page de uma forma a curto prazo, usando como “faísca” um gatilho rápido de gerar trafego de acordo as pesquisas do usuário.

...Continua em nosso próximo post, não perca!

 

Colaborações / Fontes: FGV / Google / Blog do Neil Patel / Facebook/ Gaia / Portal Dreamcasa