2 Imóveis para Temporada - PB

Avenida João Maurício, 1553 - Manaíra, João Pessoa - PB

Apartamento para Temporada/Venda com 2 Quartos, 48m²

Quartos Suites W.C. Vagas M2 M2T
2 1 2 2 48 58
Avenida Cabo Branco, 3183 - Cabo Branco, João Pessoa - PB

Apartamento para Temporada com 1 Quartos, 45m²

Quartos Suites W.C. Vagas M2 M2T
1 1 1 1 45 45

Imóveis para Temporada - PB

Dicas de viagem: o que fazer na Paraíba Do litoral o Cariri, a Paraíba, localizada entre Pernambuco e o Rio Grande do Norte, oferece aos visitantes pontos turísticos surpreendentes. O principal Aeroporto do Estado, é o Presidente Castro Pinto, situado na região Metropolitana da capital João Pessoa. Para além das inúmeras belezas naturais, históricas e culturais, a Paraíba também possui uma gastronomia diferenciada.

A variedade de sabores exóticos e marcantes são peculiaridades da culinária paraíbana. No entanto, vale salientar que no município de Campina Grande (entre o sertão e agreste), acontece um dos maiores festejos do país – o tradicional São João de Campina Grande, que divide com Caruaru (Pernambuco), o título do Maior São João do Mundo. Neste artigo, dicas e informações sobre o que fazer na Paraíba.

1 – Piscinas Naturais de Picãozinho Piscinas Naturais de Picãozinho repletas de peixinhos coloridos – João Pessoa – PB As Piscinas Naturais de Picãozinho estão a 2 km da costa, em frente à Praia de Tambaú (principal praia da cidade). O passeio tem uma duração de 4 horas e o trajeto é feito em lanchas e catamarãs. As piscinas de águas cristalinas repletas de peixinhos e corais multicoloridos, surgem durante o horário da maré baixa. Por isso, antes de partir confira a tábua das marés (aqui).

É um programa que agrada crianças e adultos. Recomenda-se a visita em dias ensolarados. Acesse o post completo e saiba mais sobre João Pessoa (aqui). Veja preços de hotéis em João Pessoa no Booking.

2 – Praia do Coqueirinho O que fazer na Paraíba Cenário paradisíaco da Praia do Coqueirinho, Conde – PB A Praia de Coqueirinho, é um dos maiores tesouros do litoral da Paraíba. Localiza-se no município de Conde, a menos de 40 km ao Sul de João Pessoa. Reúne falésias coloridas, coqueiros e uma linda mata nativa. No entanto, para os viajantes que não gostam de lugares lotados, a dica é fugir dos meses de férias escolares, fins de semana e feriados. Para chegar até lá, é necessário percorrer pequenos trechos por estradas de terra, mas o nível de dificuldade é baixo. Porém, evite o trajeto em dias chuvosos, a não ser que seu veículo seja um 4×4. Em suma, recomenda-se visitar Coqueirinho em dias ensolarados, de preferência durante o horário da maré baixa. Verifique a tábua das marés (aqui). Descubra as melhores praias da Paraíba.

3 – Centro Histórico de João Pessoa Arquitetura colonial portuguesa no Centro Histórico de João Pessoa – PB Para os viajantes apaixonados por história e cultura, sugerimos uma visita ao Centro Histórico de João Pessoa. Fica a cerca de 10 km das Praias de Tambaú, Cabo Branco e Manaíra (zona sul da cidade). A maneira mais fácil e cômoda de chegar é táxi, city tour, carro próprio ou alugado – evite o transporte público. Os principais pontos turísticos a visitar são: Centro Cultural de São Francisco, Praça Antenor Navarro, Igreja de São Frei Pedro Gonçalves, Praça de São Pedro Gonçalves, Ladeira de São Francisco (rua mais antiga da cidade), Casa da Pólvora e a Igreja do Carmo. O melhor horário para realizar o tour, é de manhã cedo ou depois das 15 horas. Escape das horas de calor intenso. Está gostando das dicas sobre o que fazer na Paraíba? Compartilhe o com seus amigos!

4 – Lajedo do Pai Mateus Lajedo do Pai Mateus – um lugar beleza ímpar na Paraíba – Foto divulgação: www.latam.com O Lajedo do Pai Mateus é um lugar de beleza ímpar na Paraíba e no Brasil. Situa-se no Cariri paraíbano, a pouco mais de 20 km da cidade de Cabaceiras e a 220 km da capital João Pessoa. Cerca de 100 blocos milenares de granito, mandacarus, ficheiros e xique-xiques, compõem um cenário natural belíssimo, sendo um destino perfeito para os mais aventureiros. A região já foi palco de mais de 30 filmes, minisséries e documentários. Aliás, quem não lembra do filme “O Auto da Compadecida“, dirigido por Guel Arraes? Não por acaso, a região é conhecida como a “Roliúde Nordestina”, com direito a letreiro de boas vindas à la Hollywood. Em resumo, para os viajantes que desejam pernoitar por lá, a melhor oferta de hospedagem é o Hotel Fazenda Pai Mateus.

5 – Pôr do sol na Praia do Jacaré Pôr do sol inesquecível, ao som do Bolero de Ravel – Foto divulgação: Edson Lopes Jr O famoso pôr do sol ao som do Bolero de Ravel, acontece na Praia Fluvial do Jacaré em Cabedelo – região metropolitana de João Pessoa. O local é bastante disputado, principalmente aos fins de semana, época de férias escolares e feriados. Por isso, lembre-se de chegar cedo! No entorno, há estruturas de bares, restaurantes, estacionamento e uma feirinha de artesanato regional. Programa imperdível! Gostou do post sobre o que fazer na Paraíba? Guarde nos favoritos!

Localizado na Região Nordeste do Brasil, o estado da Paraíba faz fronteira com o estado do Rio Grande do Norte, Pernambuco, Ceará e Oceano Atlântico. A Ponta do Seixas, na Paraíba, é o local mais a leste da América do Sul. É o estado mais central do Nordeste, apresentando distâncias que variam de 100 quilômetros até, aproximadamente, 800 quilômetros dos maiores agrupamentos populacionais.

Sua extensão territorial é de 56.469,466 quilômetros quadrados, possui 223 municípios distribuídos pelas mesorregiões da Mata Paraibana, Agreste, Borborema e Sertão. Conforme dados do Censo Demográfico de 2010, realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), totaliza 3.766.528 habitantes, sendo o 5° estado mais populoso do Nordeste brasileiro. O crescimento demográfico é de 0,9% ao ano; a densidade demográfica é de aproximadamente 66,7 hab/km².

O relevo é caracterizado por planície litorânea, planalto no centro e depressões a oeste. O ponto mais elevado é o pico do Jabre, na serra do Teixeira, com 1.197 metros acima do nível do mar.

A vegetação é composta por mangues no litoral, pequena faixa de floresta tropical e caatinga na maior parte do território. O clima é tropical no litoral e semiárido na maior parte do interior.

Os principais rios da Paraíba são: Curimataú, do Peixe, Gramame, Paraíba, Piancó, Piranhas ou Açu, Mamanguape, Taperoá.

Bandeira: a palavra Nego simboliza a rejeição do político João Pessoa à candidatura de Júlio Prestes à Presidência. O vermelho representa o assassinato de João Pessoa; e o preto, o luto por sua morte.

A capital da Paraíba é a cidade de João Pessoa, situada na faixa litorânea do estado, sendo o turismo um dos principais responsáveis pela economia do município. Outras cidades importantes do estado são: Campina Grande, Santa Rita, Patos, Bayeux, Sousa, Cajazeiras, Guarabira, Sapé, Cabedelo.

Como a caatinga cobre a maior parte do território, a agricultura restringe-se ao litoral e à Zona da Mata. O principal produto é a cana de açúcar. Destacam-se também a mandioca, o feijão, o milho, fumo, e o sisal. Entre as frutas, há produção importante de laranja, abacaxi, graviola, umbu, caju, tamarindo, acerola e coco-da-baía.

Na pecuária, o estado é responsável pela criação de diversos tipos de animais, com destaque para os caprinos. Uma atividade de grande relevância para a economia é o turismo. As praias paraibanas oferecem aos turistas águas tranquilas e com temperaturas agradáveis. No município de Conde, ao sul da capital, está localizada a primeira praia de nudismo oficial do Nordeste, Tambaba. Outro fator atrativo da Paraíba são as comidas típicas, as belezas do artesanato local e o ecoturismo.

O setor industrial é responsável por 30,2% da economia do estado e produz principalmente alimentos, pescados, vestuário e metal mecânico. Na lista de importações estão algodão, máquinas, trigo e petroquímicos.

A renda per capita do estado é uma das mais baixas do país. O estado detém o quarto menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do país, e o terceiro mais baixo índice de analfabetismo, atrás apenas de Alagoas e Piauí. A taxa de mortalidade é a terceira maior do Brasil. A cada mil crianças nascidas vivas, cerca de 35 morrem antes de completar 1 ano. Seis em cada dez domicílios não têm coleta de esgoto

Você que está a procura de um imóvel aqui, considere temporada imóveis em - PB não só como uma moradia, mas também como potencial investimento para o futuro. Sobre investimento, fique atento ao mercado de imóveis e suas centenas de oportunidades. Utilize os filtros de busca do Dreamcasa e encontre o imóvel que deseja na medida certa para você.